12 de abril de 2011

Vereador George Coutinho preso por rachid é afastado da Câmara de Aracruz

  A Justiça determinou o afastamento do vereador de Aracruz George Cardozo Coutinho (PDT), e a convocação imediata do suplente dele. Na semana passada, o vereador, o pai dele, o ex-vereador Pedro Tadeu Coutinho e o ex-funcionário da Câmara Bruce Ferreira Kenneth Kunghs foram presos em uma operação policial no município por coação de testemunha.


George Cardozo Coutinho, que é sobrinho do prefeito afastado Ademar Devens, foi preso na quarta-feira (6).
  Os três são acusados pelo Ministério Público de nomear pessoas como funcionários da Câmara, que na verdade não cumpriam carga horária de trabalho. Segundo a denúncia, o vereador ou o ex-assessor da Câmara ficavam com os cartões de salário dos funcionários e assessores e sacavam os vencimentos, repassando cerca de R$ 500,00 aos “funcionários fantasmas”.
  Eles foram presos porque uma das testemunhas do caso passou a receber ameaças dos acusados. O vereador, o pai e o ex-funcionário da Câmara, além de coação de testemunha, vão responder pelo crime de peculato. As prisões foram feitas pela Polícia Militar, no bairro em que os três moram, Barra do Riacho, em cumprimento ao mandado expedido pela Justiça, atendendo ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público.
  Também foi autorizada a realização de buscas e apreensão na casa dos investigados e no gabinete do vereador. Ainda segundo a denúncia do Ministério Público, George Cardozo chegou a fazer empréstimos usando o nome de alguns funcionários. O pai dele também recebia parte dos salários dos funcionários fantasmas.





Fonte: http://www.seculodiario.com.br/exibir_not.asp?id=10449







RENATA OLIVEIRA



http://www.eshoje.com.br/portal/leitura-noticia,inoticia,11300,justica_afasta_vereador_de_aracruz_preso_na_ultima_semana.aspx







0 comentários:

add nosso Blog e fique bem informado

. - .